Cada vez mais, novos estudos mostram a relação dos hábitos com o sucesso e até mesmo com a felicidade das pessoas. Crianças que cultivam hábitos saudáveis, com certeza serão adultos com mais chances de manter esses bons hábitos. Então, como estimular hábitos saudáveis nas crianças?

1. Seja um exemplo de hábitos saudáveis

É impossível começar com outra dica que não seja essa. Sabe o bom e velho “faça o que eu digo mas não faça o que eu faço”? Pois é, não existe ditado mais equivocado.

As crianças são questionadoras por natureza. Então, ao forçá-las a ter um hábito que você não tem, elas irão ficar incomodadas e te questionar, com toda razão. Afinal, se é tão bom ter hábitos saudáveis, porque você não tem?

2. Dê motivos reais e importantes para ter hábitos saudáveis

Tenho certeza que, em algum momento da sua vida profissional, você já fez alguma tarefa, ou preencheu algum relatório que te fez ficar irritado por ter que fazer aquilo, pelo simples fato de não enxergar a importância da atividade.

Ninguém, adulto ou criança, se sente confortável fazendo algo que não faz sentido em seu mundo. É preciso significar a importância daquele hábito para criança. Isso irá variar muito de idade para idade, de criança para criança.

Na prática: Ao ir dormir na hora correta, você pode explicar à criança que isso é importante porque ajuda o corpo a descansar para brincar com mais energia amanhã. Ao escovar os dentes, mostrar que isso ajuda os dentes a ficarem limpos, sem cáries, que causam dor e outros problemas de saúde.

Importante: Significar uma atividade é bem diferente de criar medos absurdos na criança. Nada de dizer que ela tem que dormir senão o bicho papão vai vir pegar. Você iria dormir se o bicho papão estivesse vindo? Eu não!

3. Tente realizar a mesma tarefa sempre no mesmo horário

Eu sei, no meio da rotina estabelecida, a vida acontece. Porém, se você conseguir realizar essa nova atividade, no mesmo horário, na maioria dos dias, já está ótimo.

Charles Duhigg, em seu livro “O Poder do Hábito” conta que é muito mais fácil adquirir um hábito se ele é realizado no mesmo horário, ou após uma mesma deixa. Uma deixa pode ser, por exemplo, “ao acordar”, ou “após o almoço”.

hábitos saudáveis nas crianças

4. Celebre as conquistas

Todos nós gostamos de fazer coisas que nos trazem bons resultados. Para um adulto, fica muito claro que uma boa noite de sono traz um dia de disposição e energia. Mas, para uma crianças, algumas vezes é difícil construir essa relação.

Então, celebre com ela toda vez que ela realizar uma atividade que ajuda a fixar novos hábitos saudáveis. Charles Duhigg chama isso de recompensa. Segundo ele, uma ação só se torna um hábito quando tem uma recompensa.

Mas cuidado, não condicione o prato do jantar vazio ao chocolate. Comida nunca deve ser prêmio! Para ver outras coisas que você nunca deve obrigar a criança a fazer clique aqui.

5. Tenha calma e não pense que um dia perdido é um caso perdido

Não é porque naquele dia, ou naquela semana, seu filho comeu mal, que todo o trabalho que você já fez está perdido. Pelo contrário, o que conta, na criação de hábitos, é a constância em que você retorna à rotina. Um dia, sozinho, não vai desconstruir um hábito.
Deixe o dia fora da rotina para trás, e recomece. A boa notícia é que fica cada vez mais fácil.

Quais são os bons hábitos que seu filho já tem? E quais você ainda quer implementar junto com eles? Conte nos comentários.

Gostou do nosso conteúdo? Coloque seu e-mail abaixo e receba, semanalmente, dicas exclusivas no seu e-mail.

One Comment

  1. Pingback: Como inspirar a criatividade nas crianças - Layah

Deixe um comentário